O prefeito de Palotina, Jucenir Leandro Stentzler recebeu no gabinete, na quinta-feira, dia 2, o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), desembargador Gilberto Ferreira. A audiência teve a finalidade de definir os detalhes sobre o Projeto Biometria 2019, ou seja, recadastramento biométrico dos eleitores que se estende até o dia 30 de agosto nos três municípios pertencentes 124ª Zona Eleitoral, sendo Palotina, Maripá e Nova Santa Rosa.

O cadastro biométrico é obrigatório para todos os eleitores. Caso não seja realizado, os títulos serão cancelados, e os eleitores impedidos de votar. Além disso, haverá o cancelamento do CPF, não será possível obter o passaporte, como também se inscrever em concurso público.

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral do Paraná, o uso da biometria visa garantir um sistema de votação verdadeiramente democrático e seguro, que possibilita ao eleitor registrar seu voto por meio de identificação biométrica, ou seja, da sua impressão digital.

Os eleitores devem procurar o Fórum Eleitoral de Palotina, localizado na Rua Juscelino Kubitschek, de segunda a sexta, no horário das 12h às 19h, portando documentos pessoais e comprovante de residência.

É possível agendar o atendimento pelo site www.tre-pr.jus.br na aba eleitores ou por meio do link http://twixar.me/W1HK.

A reunião teve a participação do diretor geral do TRE-PR, Valcir Mombach; coordenadora de Planejamento Estratégico, Solange Maria Vieira; coordenadora de Comunicação Social, Rubiane Barros Barbosa Kreuz; os prefeitos de Maripá, Anderson Bento Maria e de Nova Santa Rosa, Norberto Pinz; a juíza do Fórum Eleitoral de Palotina, Dra. Maria Thomaz Bastos; a promotora de Justiça, Dra. Cristiane Aparecida Ramos; secretário de Administração de Palotina, Felipe Zago; vice-prefeito e secretário de Saúde de Nova Santa Rosa, Noedi Hardt; além do chefe do cartório eleitoral, Joaquim Bortot.

Deixe seu comentário